Manual completo para arrumar mala: seu carnaval com uma mala prática

Foto: Reprodução/ ModCloth

Foto: Reprodução/ ModCloth

Este post é dedicado a quem não vai passar o Carnaval em casa e precisa arrumar uma mala para os próximos dias. Sei que arrumar mala não é tarefa fácil, aliás, arrumar mala é algo muito chato. Toda vez que tenho que arrumar mala sofro um monte. É quase impossível escolher o que a gente vai querer usar nos próximos dias.

Eu viajo bastante, em média, uma vez a cada 15 dias e, por isso, tive que aprender na marra como arruma mala com praticidade e rapidez. Acredito que o maior segredo de arrumar uma mala é ter consciência de quantos dias vamos passar no lugar, aonde vamos e quantas peças são necessárias para ficar esses dias fora.

Isso quer dizer que não adianta você querer levar o guarda-roupa inteiro se você só vai usar três peças. Eu hoje sempre prezo pela menor mala possível, até porque sei que é muito pior desarrumar mala do que arrumar. Tento levar apenas o que vou usar e quando vejo que está sobrando muita peça, já fico atenta para colocar menos itens na próxima mala.

Uma dica infalível é se propor a encaixar tudo na menor mala que você tem na sua casa. Eu, por exemplo, levo tudo em uma mochila. Claro, eu só passo um final de semana fora e, por isso, não preciso mais disso. Mas para um feriado não é necessário uma mala muito maior do que uma mochila. E se só vai levar uma mochila, faça caber tudo o que quer levar dentro.

Outra dica que eu sempre penso, mesmo em viagens maiores é só levar o que consigo carregar. Gente, já tive muito que ir para rodoviária de ônibus e não há nada pior do que levar mais coisa do que conseguimos carregar. Por isso, acredito sempre que se couber nos braços, está ok, se não conseguir carregar sozinha, tenho que levar menos coisas. E isso também inclui peso de mala/mochila, afinal ninguém quer carregar algo que não consegue aguentar, por isso, fique atento.

Ter em mente o que fará no lugar e planejar o que vai usar é um truque infalível. Isso irá evitar levar roupas desnecessárias, que não combinam com seu planejamento. Por exemplo, para que levar salto alto se você não vai querer usá-lo nenhum dia? Seja objetiva na mala, isso ajuda e muito.

Não conte com um milhão de possibilidades. Faça seu planejamento e tente segui-lo. Claro que é sempre possível que no dia você não queria usar aquela roupa ou o tempo mude, mas aí é que está o maior erro das malas. Não imponha muitos “se”, confie na previsão do tempo (eu já estou especialista nisso) e naquilo que você se propôs a fazer nos dias que passará fora. Se algo mudar, acredite, você dará um jeito.

Faça a mala e pare de pensar nela ou então você vai acabar acrescentando coisas desnecessárias. Eu sei, é difícil, a gente sempre acha que vai precisar de mais uma coisinha, mas não vai. Tudo o que você acrescentar depois que já fez a mala será algo supérfluo e que apenas vai pesar e fazer volume na mala.

5 dicas infalíveis para não esquecer nada

Foto: Reprodução/ Mulher

Foto: Reprodução/ Mulher

O maior medo de fazer mala é esquecer algo importante, por isso, fiz uma listinha que funciona para mim e provavelmente funcionará para você também, confira:

  1. Anote o que precisa levar: só faço isso quando estou com tempo sobrando, mas ajuda muito, principalmente que não tem tanta prática em arrumar mala
  2. Vai pegando o objeto conforme for usando: ou seja, usou o desodorante pela última vez, coloque já na necessaire e assim com todas as outras coisas fundamentais
  3. Coloque primeiro na mala tudo aquilo que é essencial: você não vai esquecer das roupas, mas a possibilidade de esquecer roupas íntimas é grande
  4. Dê sempre uma última checada: olhe no guarda-roupa, no banheiro, na estante e veja se não esqueceu nada fundamental antes de fechar a mala
  5. Deixe tudo próximo: tudo o que você for levar e que não estiver dentro da mala, coloque perto na mala, em cima de preferência, para que você não esqueça de levar esses itens

Como evitar que as roupas amassem

Depois de já ter definido o que precisa levar e preparado tudo o que é essencial, é hora de colocar a mão na massa e realmente fazer a mala. Missão impossível: levar tudo o que quer e chegar no lugar com as roupas impecáveis, sem estar amassadas. Será que é possível?

Primeiro, existem peças que não são feitas para a mala e só de olhar para o lugar elas vão amassar, não adianta. Se você não contar com um ferro no destino, esqueça! A não ser, claro, que você possa levar no carro esticadinha. Mas caso você vá de carona, ônibus ou avião, deixe a roupa em casa.

Agora se é algo impossível e que você quer de qualquer jeito levar, vá com a roupa no corpo. Obviamente vai amassar um pouco por conta da viagem, mas bem menos do que ficar na mala. Se você levou uma peça e ela acabou amassando, uma dica é pendurá-la em um cabide e colocá-la no banheiro enquanto você toma banho. O mormaço ajuda a alisar a peça.

Outra dica para evitar amassar peças que sejam mais finas é colocar as roupas pesadas embaixo, como jeans, tricot, etc. Lembrando que também uma mala não tão cheia significa roupas menos amassadas. Dobre-as direitinho e mantenha essas peças mais finas o mais esticado possível. Peças de malha que não amassam tanto, faça rolinhos, isso evitará de amassar e também dá para aproveitar melhor o espaço na mala.

Arrumar mala requer muita prática, alguma paciência e uma dose de equilíbrio. Lembre-se que a melhor mala é aquela que você carrega o essencial e não a que você leva o guarda-roupa inteiro!

Alguma dica sobre como arruma mala?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s